12 de set de 2008

1º Seminário Brasil de Gestão de Projetos Sociais

A KNH Brasil regional SECO estará participando nos dias 29 e 30 de setembro do 1º Seminário Brasil de Gestão de Projetos Sociais que propõe a construção de uma rede social para a discussão dos processos de gestão de projetos composta por instituições governamentais e não-governamentais, iniciativa privada, financiadores nacionais e internacionais, além de especialistas em projetos sociais. Além da participação da Cooperativa do Centro Comunitário Verde Vale de Sete Lagoas, e dos adolescentes da Casa da Juventude de Itaobim que estarão apresentando um Caso de Sucesso, a coordenadora do escritório Andréia Barreto estará participando do painel - Investimentos sociais no Brasil: o que os organismos de cooperação esperam dos projetos?Esperamos que esse espaço de discussão ajude a superar os desafios gerados pela necessidade de aprimorar e dar continuidade a projetos mais efetivos, ajude as organizações a discutir conceitos e metodologias gerenciais, adotar e adaptar novos instrumentos de gestão e avaliação que dotem seu quadro funcional de habilidades, conhecimentos e atitudes que assegurem a eficácia, eficiência e efetividade de seus projetos gerando, assim, resultados que promovam o desenvolvimento de pessoas e comunidades.
Maiores informações no site: http://www.segeps.com.br/

Proteja Nossas Crianças recebe apoio dos Correios em Minas

O material gráfico da Campanha Proteja Nossas Crianças, do Governo de Minas, será distribuído em 91 agências dos Correios em todo estado. A ação tem o objetivo de intensificar a campanha, coordenada pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese) e pelo Serviço Voluntário de Assistência Social (Servas), nos pontos onde há foco de exploração sexual.Segundo o coordenador da campanha, Márcio Macedo, as agências foram escolhidas de acordo com uma pesquisa divulgada em maio deste ano, feita pela Organização Internacional do Trabalho e Polícia Rodoviária Federal. A pesquisa apontou Minas Gerais como o estado com maior número de pontos vulneráveis devido à grande concentração de malha rodoviária federal no Estado. “Os pontos vulneráveis receberão atenção especial com várias ações educativas” ressalta o coordenador.A Campanha foi lançada em 15 de maio deste ano e registra crescimento significativo. Só nos primeiros oito meses deste ano, o Disque Direitos Humanos (0800-31-1119) recebeu 1.889 denúncias de crimes contra criança e adolescente, a maior parte após o início da campanha. Em todo o ano de 2007 foram recebidas 1895 denúncias. “Com o aumento das denúncias, temos o aumento de inquéritos, de ações na justiça e dessa forma é possível coibir este tipo de ação” afirma Macedo.O subsecretário de Direitos Humanos da Sedese, João Batista de Oliveira, afirma que a credibilidade dos Correios vai ajudar aumentar a visibilidade da campanha. “Os Correios têm uma vasta história com projetos de responsabilidade social, isso dá ainda mais credibilidade às ações realizadas para o enfrentamento à exploração sexual contra a criança”.
Fonte da informação: Oficina de Imagens

CICLO DE DEBATES LATINO-AMERICANO SOBRE TRABALHO SOCIAL COM FAMÍLIAS DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES


Neste mês de setembro estará acontecendo em Belo Horizonte o Ciclo de Debates Latino- Americano sobre o trabalho social com famílias de crianças e adolescentes, o evento tem como público alvo: Gestores municipais e estaduais, técnicos de serviços de proteção social e especial, assistentes sociais, psicólogos, educadores, teóricos, conselheiros de Direito, conselhos tutelares, promotores, juízes de direitos e atores estratégicos nacionais e internacionais.O objetivo do evento é disseminar o trabalho social com famílias, sobretudo de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social, através de trocas de boas práticas nacionais e internacionais, um bom momento para renovarmos nossa prática e conhecer iniciativas novas.O evento promovido pela SEDESE em parceria com a Terra dos Homens tem o apoio da Frente de Defesa dos direitos da criança e do adolescente e acontecerá no Dayrell Minas Hotel Rua Espírito Santo, 901 Centro Belo Horizonte – MG
Link: http://www.social.mg.gov.br/

9 de set de 2008

Projeto Capacitar - Qualificação Profissional de Adolescentes

Neste mês teve início o Projeto Capacitar sendo um novo foco de ação desenvolvido pela parceira Educandário e Creche Menino Jesus, em Belo Horizonte, Minas Gerais, com o apoio do GRUPO KÜTTNER.


O Projeto tem como objetivo “Aproximar os adolescentes de 14 a 17 anos das tecnologias ligadas à informática incentivando o aprendizado, a qualificação profissional e o interesse por novos conhecimentos, preparando-os assim, para o ingresso à rede produtiva de trabalho.”
Serão capacitados 80 adolescentes em 01 ano, com uma carga horária de 180 horas onde irão aprender desde os desempenhos das funções inerentes a área administrativa de pequenas, médias e grandes empresas à manutenção de computadores.

Desejamos a todos os adolescentes sucesso nesta caminhada!!!

Captar Recursos Sempre!!!!!!

O Nosso Parabéns deste mês vai para o Educandário Santo Antônio de Bebedouro, do município de Bebedouro em São Paulo; que não tem dispensado esforços com criatividade e participação das crianças, adolescentes, famílias e comunidade de criar alternativas para a captação de recursos e novas parcerias!!!
É uma grande alegria tê-los como nosso parceiro e acreditamos que estas iniciativas, principalmente com a participação de todo o público atendido e a sociedade é um caminho importante para a sustentabilidade do projeto!!!

Aprovação de 2 novos projetos no Regional SECO

É com muita alegria que a KNH Brasil regional SECO acaba de aprovar 2 novos projetos em São Paulo. Novos Parceiros que se juntam a nós na Luta pela garantia do direitos das Crianças e Adolescentes

Projeto Vidas em Jogo

Pareceira: Associação Evangélica Beneficente – AEB
Cidade: São Paulo/SP
Local de Execução do Projeto: Capão Redondo

O Projeto Vidas em Jogo será desenvolvido em Capão
Redondo, que é um dos bairros que compõe o Distrito de Campo Limpo em São Paulo. Basicamente ele caracteriza-se por um aglomerado onde se concentra 584 favelas. O projeto é resultado da participação de lideranças comunitárias, de famílias e de crianças e adolescentes. A AEB pela sua experiência e papel desempenhado de facilitadora local, consolidou e traduziu “Vidas em Jogo” em projeto de forma participativa.
O projeto visa a partir do esporte, e principalmente de sua metodologia de formação integral, não somente o desenvolvimento afetivo, motor, cognitivo e social das crianças e adolescentes, mas principalmente o envolvimento das famílias, através da participação e apoio das organizações locais, no fomento, mobilização e participação de todos em prol de uma melhor qualidade de vida e de direitos. Estrategicamente, o projeto no decorrer dos 5 anos, envolverá 15 organizações locais sendo no total 2.000 crianças e adolescentes diretamente beneficiadas, com atividades esportivas. Além disto, visa a capacitação de lideranças comunitárias no que tange as políticas públicas e de direitos e também a capacitação de 3.000 famílias em atividades de geração de renda, sendo 8.000 pessoas beneficiadas indiretamente.

Projeto Meu Corpo, Meu Bem

Parceira: Casa de Assistência Filadélfia
Cidade: São Paulo/SP
Local de Execução do Projeto: Burgo Paulista (Vila União, Vila Ponte Raza e Vila Três Marias)

O Projeto Meu Corpo, Meu Bem possibilitará ampliar e fortalecer as ações interligadas ao combate a AIDS nas suas mais diversas causalidades sociais, não somente com o trabalho direto com as crianças e adolescentes, mas principalmente com atividades de geração de renda às famílias vivendo e/ou convivendo com o vírus HIV e AIDS. Além disto visa a mobilização e a participação da comunidade através de suas associações e lideranças para o fortalecimento da rede de proteção e prevenção de DST/AIDS e de abuso sexual infantil. Vale destacar que o projeto também desenvolverá o trabalho de advocacy em HIV/AIDS promovendo o apoio jurídico nos casos de exclusão e preconceito, ou seja, de negligência de direitos devido a doença.

O projeto Meu Corpo Meu Bem é uma proposta de espaço para a promoção do auto-cuidado e da prevenção de DST/AIDS a partir de uma abordagem intersetorial, lúdica e contextualizada para a cultura brasileira, beneficiando no decorrer de 05 anos, 950 crianças e adolescentes vivendo e/ou convivendo com o vírus HIV e Aids e mais de 300 famílias diretamente. Com sua estratégia de ação, estima-se beneficiar indiretamente mais de 3.000 cidadãos.

Crianças e adolescentes lançam livro em Sete Lagoas

Crianças e adolescentes da periferia de Sete Lagoas lançam o livro"Nosso Mundo" que é composto por fotografias e poesias e o mais curioso foi editado em duas linguas. Seu lançemento acontecerá no dia 17 de setembro de 2008, onde haverá uma cerimônia no:

Centro Cultural Nhô-Quim Drummond (Casarão)

Pç Tiradentes, 257Centro Sete Lagoas - MGPara contatos: Adriane Branco Penna (31) 8684- 3151

Este projeto foi desenvolvido através de uma parceira entre o Serviço de Promoção ao Menor e a Família -SERPAF e a Plantar Siderurgica, por meio da Lei Estadual de Incentivo e Cultura, tornando realidade mais esta ação protagônica desta parceira da KNH Brasil - Regional SECO.