CNMP - DIVULGA RELATÓRIOS QUE MOSTRAM A FRAGILIDADE NAS UNIDADES DE INTERNAÇÃO PARA ADOLESCENTES E DIVULGA DADOS SOBRE UNIDADES DE ACOLHIMENTO INSTITUCIONAL. :Cooperação e Desenvolvimento pela Infância e Juventude

12 de ago de 2013

CNMP - DIVULGA RELATÓRIOS QUE MOSTRAM A FRAGILIDADE NAS UNIDADES DE INTERNAÇÃO PARA ADOLESCENTES E DIVULGA DADOS SOBRE UNIDADES DE ACOLHIMENTO INSTITUCIONAL.




A matéria: A Fragilidade das Unidades de Internação para Jovens no Brasil, publicada no blog da KNHBrasil, com dados do Conselho Nacional do Ministério Público – CNMP, é resultado de um profundo estudo e mapeamento das unidades de internação no Brasil.

Os dados coletados por promotores de Justiça em todo país, resultou em dois relatórios “Um Olhar Mais Atento às Unidades de Internação e de Semiliberdade para Adolescentes” e “Um olhar mais Atento aos serviços de acolhimento de Crianças e Adolescentes no País", ambos lançados no dia 8 de agosto, pela comissão de infância e Juventude do Conselho Nacional do Ministério Público.

Trata-se de dois relatórios de valor inestimável a sociedade, devido à confiabilidade das informações colhidas in loco, por meio deles poderemos pensar ações e estratégias que possam ser desenvolvidas no âmbito do Ministério Público e demais órgãos do Sistema de Garantia de Direitos em favor dos adolescentes e jovens em conflito com a lei e de crianças e adolescentes acolhidos nos abrigos.

Das 443 unidades de internação para jovens infratores, foram visitadas 392 unidades, sendo 287 de internação e 105 de semiliberdade. O relatório traça um olhar radiográfico da situação nos locais pesquisados.

Foram inspecionadas em março de 2012 e março de 2013, 2.370 entidades, de acolhimento Institucional – Casas Lares 86,1% das existentes no Brasil, onde atendem mais de 30 mil crianças e adolescentes afastados do convívio familiar.

Os relatórios ainda traçam um perfil e panorama da situação das crianças e dos adolescentes nos abrigos, casas-lares e serviços de famílias acolhedoras e nas Unidades de Internação para Adolescentes e Jovens Infratores.

Trata-se de um material, de profunda importância no cenário dos direitos da Criança e do Adolescente, onde é possível obter dados concretos da realidade atual e pensarmos em soluções palpáveis para a atual situação em tempo hábil.  

Faço o download dos Relatórios nos links abaixo:




Nenhum comentário: